Quando é verão na Europa, assim como acontece no Brasil, milhares de pessoas aproveitam o período para curtir a praia e descansar. Em Lisboa, a região de Sesimbra é o local escolhido por muitos dos moradores da capital portuguesa. O camping Campimeco é um dos estabelecimentos da região que oferece completa estrutura de lazer, em 220 mil metros quadrados de área verde, de frente para o mar.
Conseguir saber quantos campistas e carros estão dentro de uma área tão grande, promovendo a segurança é essencial, já que mais de 5 mil pessoas costumam visitar o local. Pensando nisso, a Campigir, proprietário do Campimeco entre outros, investiu em um Sistema Biométrico Automatizado de Acessos DIMEP, preparado para facilitar a passagem de pessoas com mobilidade reduzida, bicicletas e carrinhos de bebê, e cancelas automáticas, para quem está de carro. Foram adquiridas quatro catracas com leitores mifare e biométricos, dois torniquetes para cadeiras com leitores mifare, uma cancela de entrada e outra de saída com leitores UHF.

Esta solução com leitores UHF permite a identificação em simultaneo de todos os ocupantes de um veiculo. Através da apresentação do respectivo cartão de identificação por parte de cada ocupante do veiculo o DMP Access valida se todos são portadores de uma acreditaçao válida para entrar no parque.

Quanto à funcionalidade dos leitores Biométricos das catracas, o sistema está programado para fazer um sorteio aleatório, exigindo que o portador de acreditação coloque o dedo para identificar se a sua digital confere com a que se encontra armazenada no Banco de Dados, evitando assim o acesso de pessoas não autorizadas.
“Além deste sistema, também contratamos uma nova equipe de segurança profissional que terá como principal objetivo salvaguardar todos os usuários”, complementa Carlos Miguel Tomé Lopes Rodrigues, Administrador da Campigir.
Ele explica que, com o sistema, visa obter mais segurança na entrada e saída de pessoas sem credenciais no camping, garantindo o acesso regular ou esporádico feito por usuários com entrada paga ou mensalidade ativa. “Desta maneira, oferecemos aos visitantes segurança, conforto e equidade no acesso de seus familiares e amigos automatizando, assim, todo o nosso controlo de entrada e saída do local”, diz Carlos Rodrigues.